Promotores

Grupo Internacional de Estudos da Imprensa Periódica Colonial do Império Português (GIEIPC-IP)

O Grupo, com um perfil multidisciplinar e posicionamento interdisciplinar, congrega académicos, projectos e instituições dos diversos países ou espaços compreendidos pelo Império português até finais do século 20. Integra, ainda, investigadores de outros meios académicos especializados em estudos sobre a história política e cultural deste império. O Grupo considera a realidade colonial e a ligação imperial como estruturantes da pertinência de constituição de uma comunidade de olhares locais, comparativos e transversais sobre o passado dos espaços compreendidos pela realidade política do Império Português. Entende as correntes de pensamento sobre a realidade colonial e os múltiplos aspectos dessa realidade como elementos estruturantes da contemporaneidade. Nesse quadro defende ser o estudo da imprensa periódica colonial uma área fundamental para o conhecimento e reflexão sobre a História Contemporânea de Portugal e dos espaços do Império português, hoje Estados Independentes ou integrando Estados Independentes. Os seus membros trabalham para promover a cooperação académica e de outros agentes culturais relevantes para esta área de estudos. Entre os seus parceiros destacam-se os projectos Pensando Goa: Uma biblioteca peculiar de língua portuguesa (USP), Portal das Memórias de África e do Oriente (UA), Orientalismo Português (CEC-FL.UL) e Imprensa e circulação de ideias: o papel dos periódicos nos séculos XIX e XX (USP e Fundação Casa de Rui de Barbosa, RJ).

Pensando Goa: Uma biblioteca peculiar de língua portuguesa

O presente projeto tem por foco reescrever a história da literatura de língua portuguesa de Goa, privilegiando, por um lado, suas relações com as demais manifestações culturais, intelectuais e artísticas daquela sociedade e, por outro, as relações que hoje podemos estabelecer entre essa literatura e outras (aquelas de língua portuguesa ou mesmo a literatura indiana de língua inglesa, entre outras), assim como entre o contexto cultural em que se forjou e outros contextos culturais correlatos. O projeto visa: 1) a catalogação e reprodução exaustivas da literatura e da produção da imprensa goesa de língua portuguesa, assim como a complementação do inventário do patrimônio artístico goês de matriz indo-portuguesa já existente; 2) a redação de uma história da literatura goesa de língua portuguesa que atribua sentido àquela produção artística no âmbito do cotidiano intelectual daquela comunidade, assim como explore os diversos sentidos que hoje essa produção literária e seu contexto cultural podem ganhar em sua relação com outras literaturas e outras culturas, dando preferência àquelas dos países de língua oficial portuguesa; 3) o estreitamento e o fortalecimento das relações académicas entre Índia e Brasil na área de Letras, em particular as relações entre a Goa University e a Universidade de São Paulo.

 

Anúncios
%d bloggers like this: